Certificação Correspondente Transacional

INSCREVA-SE JÁ!

Ratings socio ambientais

seloSustentabilidade tem sido a palavra de ordem dos últimos anos. Cada vez mais clientes, consumidores, instâncias de governo, funcionários, sociedade, investidores, acionistas e fornecedores têm exigido das organizações posturas e ações corretas do ponto de vista socioambiental. Muito mais que um simples modismo, essas exigências são pragmáticas: empresas sustentáveis, de fato, geram maior retorno econômico aos seus acionistas.

Diversos programas e iniciativas foram lançadas nos últimos anos que procuram mensurar o nível de sustentabilidade das organizações, de forma a balizar as iniciativas internas assim como a avaliação externa por parte de investidores e financiadores:

  • DJSI: Dow Jones Sustainability Index
  • ISE: Índice de Sustentabilidade Empresarial da BOVESPA
  • PRI: Princípios de Investimento Responsável
  • Princípios do Equador
  • Outros

Apesar de sua importância e alta credibilidade, essas ações acabam reconhecendo somente as empresas com alto grau ou alto nível de sustentabilidade. Empresas ainda no caminho de boas práticas não conseguem obter credenciamento junto às iniciativas, devido à sua característica intrínseca.

Por outro lado, investidores interessados em aportar recursos em empresas sustentáveis não possuem um quadro amplo do nível de sustentabilidade da sua carteira, dado que dificilmente todo o seu portfólio se enquadra nos índices de sustentabilidade conhecidos no mercado.

Mais ainda, instituições financeiras cada vez mais são demandadas por órgãos reguladores ou por compromissos voluntários para incluírem critérios socioambientais no seu processo de análise de crédito. Casos recentes envolvendo críticas a investimentos de bancos nacionais e internacionais em atividades que estimulam desmatamento acabam sendo importante indutores desse movimento.

Clique aqui e conheça mais sobre Nossa Solução – Sistema Totum de Rating Socioambiental